domingo, 25 de setembro de 2011

Amish


Você com certeza, caro leitor, já deve ter ouvido falar daquelas pessoas que vivem em vilarejos e cidades totalmente afastados do mundo moderno! Sem luz, carro, eletrônicos, tudo mais. E isso em pleno século XXI!

Estes são os Amish. Uma sociedade de pessoas cristãs anabatistas (Os mais radicais do protestantismo, que foram "rebatizados" após a vida adulta, já que muitos não acreditam no batismo infantil) que segue à risca as regras da bíblia e por isso o modo de vida mais conservador. Qualquer tipo de eletrônico ou qualquer coisa relacionada aos tempos modernos (Como roupas e acessórios da moda) são proibidos, pois para eles é uma forma de atrair os pecados capitais (Preguiça, Vaidade, Gula, Inveja, Ira, Soberba e Luxúria).
Mas isso não significa que os Amish rejeitam todo e qualquer tipo de tecnologia. Isso é apenas um boato. Existem algumas coisas que são aceitas na sociedade SE passarem por uma avaliação ultra-rigorosa seguindo as regras não-escritas dos Amish, o Ordnung (Ordem). Verifica-se se o objeto não prejudicará os preceitos bíblicos, e se serão úteis para o modo de vida dos Amish.
Por exemplo, em um livro (Que recomendarei depois), alguns Amish aceitam ter ordenhas eletrônicas em suas fazendas, pois ajuda a acelerar e a facilitar o trabalho, bem como tanques de refrigeração para produtos de derivação animal. Placas luminosas foram instaladas em suas carroças, já que muitas vezes eles andam em rodovias movimentadas e a falta de sinalização já causou muitos acidentes.
Carroças Amish, reparem nos sinalizadores

Ao todo, existem mais de 200 mil pessoas que são Amish. Todas vivem nos Estados Unidos e no Canadá, especialmente no estado da Pensilvânia, EUA, onde os primeiros Amish chegaram no século XVIII, vindos da Europa.
Eles seguem um estilo de vida predominantemente rural, e vivem em fazendas dentro de vilarejos espalhados pelo país. Consideram este modo de vida uma forma de se manterem afastados dos não puros, que poderiam afetar seu conservadorismo.
Suas casas são de estilo simples, sem muitos móveis ou decorativos, tendo apenas o necessário. A iluminação é de lampiões à óleo ou à gás (Permitido pelo Ordnung) e velas. Todo o trabalho na fazenda é feita com cavalos e apenas cavalos, embora a Ordem aceite alguns aparelhos que possam facilitar.

Os Amish, ao contrário do que se pensa, não fala o inglês com todo mundo. Pelo contrário, a língua só é usada quando se fala com estranhos. Entre eles a língua oficial é um dialeto alemão conhecido como Alemão da Pensilvânia. Um alemão mais formal é usado entre os religiosos.
Casa Amish

Outro fato interessante e que poucos sabem é que nem todo mundo que nasce Amish morre Amish. Quando completa 16 anos, a criança Amish tem o direito da escolha: Se ela aceitar ser batizada, oficialmente fará parte da igreja e dos preceitos da sociedade, e seguirá tudo à risca como seus pais e avós fizeram.
Porém, se ela escolher não seguir mais o estilo de vida Amish, ela PODE sair do vilarejo e entrar no mundo moderno. Entretanto, a partir deste ponto a criança é afastada da comunidade Amish permanentemente. Ela pode voltar à comunidade, mas apenas como visitante, e será vista como uma pessoa estranha até por seus familiares.

Mas antes de tomar tal decisão, o jovem Amish ainda tem uma chance de pensar em qual passo dar; é o Rumspringa (Exploração). Antes do batismo, a pessoa pode ir passar um tempo no mundo moderno para conhecer melhor esse outro lado. Neste período tudo é liberado, mesmo que seja uma blasfêmia total ao Ordnung. Depois é que cabe ao garoto/garota Amish escolher se é esse o estilo de vida que quer seguir para todo o sempre, sabendo que perderá laços com toda a sua família e amigos, ou se quer retornar à vila e ser batizado para viver o modo Amish de ser.
Como a criança é educada sob os enisamentos da Ordem durante toda a infância, sem nenhuma inclinação para essa outra opção, é muito raro ver um jovem que nasceu na comunidade Amish e desistiu de seguí-la.
Roupa típica dos Amish

Curiosamente, apesar de toda essa dedicação à religião, os Amish não possuem igrejas em suas vilas, por causa de perseguições religiosas durante suas primeiras décadas nos Estados Unidos. Eles adotaram um modo de fazer suas orações e cultos em casa, nas escolas e existem até mesmo casas especiais de oração, aonde os Amish se reúnem aos domingos para o culto.

Um culto Amish funciona de um modo diferente da religião cristã que conhecemos. Ele é totalmente dedicado à Deus, sem nenhuma ligação à Jesus. A Bíblia é lida em qualquer momento do culto, sem hora marcada, e qualquer um dos anciãos (Os mais importantes membros da igreja) pode ler a passagem escolhida. Não há sermões preparados.

O mesmo hinário é usado nos cultos Amish desde o século XVI, é o Ausbund e não tem nenhuma notação musical, ou seja, canta-se do mesmo modo que se cantava desde o início e foi um aprendizado passado de boca-a-boca. A oração principal do culto ocorre ao final, quando todos se ajoelham e esperam que algum membro masculino da igreja tome partido na oração.

Ficou curioso e quer saber mais sobre os Amish? Filmes, séries e livros já relataram um pouco sobre o estilo de vida Amish. Alguns mais "errados" que outros, mas estão aí pra quem quiser saber mais!:

Amish Grace



Filme para a televisão criado em 2010. Conta a história de uma chacina que ocorreu na maior comunidade Amish dos Estados Unidos, na Pensilvânia, baseada em fatos reais. Um entregador de leite que atendia à comunidade atacou uma escola em 2006, matando cinco crianças entre 6 e 13 anos. O assassino se suicidou após o crime, e a comunidade perdoou o atirador.
O filme reconta o acontecimento e mostra as famílias afetadas e suas reações perante um crime bárbaro que raramente acontece na comunidade Amish.

Aaron's Way




Série de televisão dos anos 80 que teve apenas uma temporada e 14 episódios. Conta a história de um pai Amish, Aaron, cujo filho - que abandonara a sociedade - morre em um acidente. Ao viajar para o funeral, ele descobre que o filho morava com uma mulher que agora estava grávida. E como ela está passando por grandes dificuldades, Aaron decide mudar-se com sua família para perto da nora, enfrentando as dificuldades do mundo moderno.

Pray For Silence



Livro de Linda Castillo sobre um assassinato brutal que ocorre em uma comunidade Amish, onde uma família toda é morta à sangue frio. A chefe de polícia Kate Burkholder é chamada para resolver o caso, que aos poucos vai se tornando uma história cheia de surpresas, que envolvem até mesmo o passado da policial (Nascida em família Amish).

Os Amish também já apareceram em várias séries de TV, como CSI, Bones, Cold Case e Arquivo X.

Nenhum comentário: