quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Tom & Jerry e a Propaganda Nazista


Palestra do Professor HASAN BOLKHARI, na Universidade de Teerã, veiculada pela TV Iraniana, no dia 19 de Fevereiro de 2006.

Uma visão, no mínimo inusitada, porém inteligente, sobre o que parecia apenas um ingênuo desenho animado feito para distrair crianças. Em termos gerais, eis a defesa do ilustre professor: quando os Judeus foram aprisionados nos guetos e pouco mais tarde exterminados nos campos de concentração foram, à época, apelidados de "ratos sujos". A imagem que os ditos roedores nos passam é mesmo de sujeira. No entanto, a despeito de seu comportamento e das atitudes que o rato Jerry toma em relação ao gato Tom, ele sempre (ou quase sempre) desperta a nossa simpatia de uma maneira geral. A intenção por trás daquele desenho-animado, criado pela Disney Company, seria justamente apagar da mente dos europeus do século XX, em especial das crianças, a imagem do rato sujo, injustamente associada ao povo judeu, através da propaganda nazista. Abaixo, uma transcrição de parte de sua palestra aos alunos daquela universidade:
"Existe um desenho animado que as crianças adoram. Não somente elas, mas também muitos adultos: TOM & JERRY. Dizem que esta obra dos estúdios Disney será lembrada para sempre, criação da judia "Walt Disney Company". Ela angariou fama internacional com este desenho animado, ainda hoje apresentado ao redor do mundo. A companhia ainda mantém o seu prestígio por causa do engraçado e atraente antagonismo dos personagens, em especial o Jerry.

Alguns afirmam que a razão em produzir este desenho animado, com todo seu apelo, era apagar certo termo pejorativo, o qual prevaleceu na Europa. Se você estudar a história européia você vai peceber quem detinha o poder, o talento para o acúmulo do dinheiro e da riqueza no século XIX: na maior parte dos casos, eram os judeus. Talvez esta tenha sido uma das razões que levaram Hitler a começar sua campanha anti-semítica, e então a ostensiva propaganda sobre extermínio teve início. Isto é verdadeiro. Não o negamos em absoluto. Vejam "A Lista de Schindler". Todo Judeu era obrigado a usar uma estrela amarela em suas roupas. Os judeus foram degredados e apelidados de "ratos sujos". Tom & Jerry foi produzido com a intenção de alterar a percepção, na mente dos europeus, em relação aos ratos. Um dos apelidos usados era "ratos sujos". Gostaria de dizer-lhes algo: devia ser notório que os ratos eram tidos como muito astuciosos e... sujos. Não havia por outro lado, um grupo ou povo que agisse de maneira tão clandestina como os judeus. Leiam a história dos judeus na Europa. Isto, por fim, levou ao ódio e ao ressentimento de Hitler.

Como é do conhecimento de alguns, Hitler pertencia à ordem dos "Anciãos de Sião". Tom & Jerry foi produzido para expor uma imagem exatamente oposta. Se vocês assistirem este desenho amanhã, tenham em mente os pontos que há pouco levantei e assistam-no a partir desta perspectiva. O rato é muito inteligente e astuto. Tudo o que ele faz é esperto demais. Ele chuta o traseiro do coitado do gato. Ainda assim, sua "crueldade" não nos faz desdenhá-lo. Ele parece tão interessante e é tão esperto...isto é exatamente o que algumas pessoas dizem. Ele foi criado para apagar das mentes das crianças européias a antiga imagem do "rato sujo" para demonstrar que ratos não são sujos e têm certas virtudes. Lamentavelmente, Hollywoood nos mostra muitos casos semelhantes".

Veja o video abaixo:

Nenhum comentário: